Como você escolhe o antivírus da sua empresa?

Antivírus são programas capazes de detectar ameaças e impedir ataques via rede, garantindo a proteção do usuário e do equipamento. Assim como todos os recursos tecnológicos que evoluíram ao longo dos anos, a inteligência por trás dos agentes infecciosos também expandiu em larga escala. Com tantas iscas camufladas em um mundo cada vez mais digital, a necessidade de aumentar as camadas de segurança se tornou indispensável.

Os softwares de proteção evoluíram e hoje utilizam metodologias aprimoradas para barrar ataques e condutas suspeitas. Para entender as reais necessidades na hora de escolher o antivírus é importante decifrar as siglas. Endpoint é todo dispositivo que se conecta a uma rede, como computadores, tablets e smartphones. Os endpoints, ou extremidades finais, são os principais alvos de ataques de vírus e malwares, pois servem de porta de entrada para redes domésticas e corporativas. A tecnologia EDR (Endpoint Detection and Response), a primeira a surgir, atua analisando o comportamento do usuário em determinada máquina. Ela foi a precursora em detectar os perigos das brechas de vulnerabilidade em equipamentos, advertindo tentativas e minando oportunidades de ataque.

A tecnologia XDR surgiu depois, como uma evolução da EDR. XDR (Extended Detection and Response) em tradução significa a detecção de resposta estendida, que coleta e correlaciona os dados automaticamente, em níveis como email, servidor, nuvem e rede, além da própria máquina, é claro. Essa interação entre as camadas de segurança permite que a inteligência artificial detecte de forma mais rápida possíveis ameaças e conduza uma investigação mais aprofundada, bloqueando softwares e encerrando processos maliciosos ativos rapidamente. Desta maneira, as ameaças são interrompidas antes de se tornarem incidentes de fato. Na prática, se um funcionário conectar um dispositivo a uma rede incomum do outro lado do mundo, as camadas de segurança interpretam a conduta atípica evitando que dados sejam roubados ou uma pasta sigilosa seja invadida, por exemplo. As funcionalidades de cada tipo de antivírus devem estar de acordo com as necessidades de cada empresa ou organização. Desta forma, é fundamental que a escolha seja feita levando em conta critérios de demandas a serem atendidas e quais benefícios cada software pode oferecer dentro de cada realidade. A Smart Support trabalha em parceria com a Sophos, oferecendo tecnologia especializada em garantir a proteção da sua empresa, proporcionando eficácia para operações de TI mais seguras.

Rolar para cima